-

As micro e pequenas empresas podem mais

O Brasil é um país com comprovada vocação empreendedora. São 6,1 milhões de micro e pequenas empresas (MPEs) formais que respondem por aproximadamente 70% dos empregos, além de cerca de 2,3 milhões de microempreendedores individuais. Desse total de MPEs, 1,8 milhão estão no Estado de São Paulo. As MPEs representam 99% das empresas do país.

Esse contingente, entretanto, movimenta apenas 20% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro. É pouco. Esse quadro precisa ser modificado.

Neste espaço, quero propor novas ideias para o setor. Vamos discutir aqui o que tem sido feito para apoiar os pequenos negócios. Eles são parte fundamental da engrenagem que move a economia do nosso país e merecem toda a atenção. Vamos trazer informações para ajudar o empreendedor no seu dia a dia, para que ele, ao chegar na sua empresa pela manhã, tenha soluções para os seus problemas e consiga melhorar a gestão.

É fato que, cada vez mais, os brasileiros investem em negócios próprios porque veem uma oportunidade. Essas pessoas querem transformar seus sonhos em realidade e estão se preparando mais para isso.

A criação de leis direcionadas a aumentar a competitividade dos pequenos negócios é fundamental para elevar a lucratividade e mesmo garantir a sobrevivência desses empreendimentos. Medidas nesse sentido foram introduzidas na legislação. A Lei Geral da Micro e Pequena Empresa é um exemplo de avanço. Ela contempla o Super Simples, regime que unificou o recolhimento de tributos facilitando procedimentos e aliviando o caixa das MPEs.

Entretanto, é preciso muito mais.

O Sebrae-SP trabalha diariamente para que as MPEs tenham melhores condições de se desenvolver. Cada passo que for dado nesse sentido representa uma conquista para todo o país. E isso que queremos. É para isso que trabalhamos. As micro e pequenas empresas podem muito mais.

Bruno Caetano – Diretor Superintendente do Sebrae-SP

E-mail: bcaetano@sebraesp.com.br

Twitter – @bcaetano

www.facebook.com/bcaetano1